Desenhos das crianças de Terezin



É com certa apreensão que olho para os desenhos de crianças de Terezin, primeiramente por saber que essas crianças foram expostas à mais terrível e brutal realidade a que um ser humano, que dirá uma criança, pode ser submetida. Essas crianças viveram a infernal e indescritível máquina mortífera dos campos de concentração, o que seria incompatível com a possibilidade de qualquer criação artística.

Porém, em seguida, é surpreendente constatar que vários desenhos transmitem imagens quase puras de vida e esperança, distantes da barbárie e do medo, inimaginável para nós, que as crianças devem ter sentido. Já outros, mais realistas, retratam a experiência no gueto e no campo: As casas, os trilhos, os quartos com beliches.

Sabemos que as crianças possuem uma curiosidade e uma percepção aguçada de todos os seus sentidos constituída a partir do lado com o Outro, e que experimentam sentimentos sombrios ambivalentes inconscientemente, muitas vezes, sem que saibam expressa-los e que os sentimentos temerosos se potencializam diante da adversidade e das situações de risco.

Oferecer-lhes a possibilidade de expressar algo equivale a dar-lhes a chance de endereçar o que lhes é impossível dizer em palavras. Se bem que para alguns, curiosamente em sua maioria meninos, tenha sido a palavra em poema que conseguiu tirar de dentro para fora o sentimento de absoluta solidão e desamparo diante das separações e descontinuidade de experiências de afeto.


Poucas pessoas devem conhecer o trabalho desenvolvido com as crianças de 10 a 15 anos, por Friedl Dicker Brandessova, uma artista, que instituiu em meio ao impossível de viver o possível de desenhar e falar, ela fazia sessões de desenho no gueto de Terezín, onde reunia as crianças em grupos ciclicamente.


O livro "Ici je n ai pas vu de papillon", exibe a coletânea desses desenhos e poemas criados a partir da orientação de Friedl Dicker Brandessova.

“Desenhar para essas crianças tornou-se um meio de fugir da triste realidade, o desenho era alegria e remédio".